Habilidades de resolução de problemas - 7 maneiras simples de desenvolvê-las em seus filhos

Habilidades de resolução de problemas irão beneficiar seu filho para o resto de suas vidas - e nunca é 'muito cedo' para começar a ensinar essa maneira de pensar.

Se você está se perguntando como vocês pode ajudar a impulsionar as habilidades de resolução de problemas do seu filho, reunimos 7 maneiras simples de começar. Mas antes de mergulharmos nisso ...

O que é resolução de problemas?

Seja você uma criança ou um adulto, você se depara com problemas todo dia .



Resolver problemas significa pensar de forma lógica e criativa, usando conhecimento e experiência, para encontrar uma solução para os problemas que você enfrenta.

Para as crianças, os problemas podem ser tão simples como decidir qual bloco colocar na torre ao lado, ou tão complexos quanto descobrir como cumprir os prazos dos trabalhos de casa.

Cada vez que encontram um novo problema e encontram uma maneira de resolvê-lo, estão desenvolvendo habilidades para a vida que podem usar em casa, na escola e fora dela.

Por que as crianças precisam de habilidades para resolver problemas?

As crianças precisam de habilidades de resolução de problemas para que possam lidar com situações quando seus pais e professores não estão por perto.

E se eles não conseguirem encontrar seu brinquedo favorito? Ou um colega de classe está sendo cruel? Talvez uma questão de matemática esteja se mostrando muito difícil. Todos esses cenários exigem habilidades de resolução de problemas.

Crianças que possuem habilidades bem desenvolvidas de resolução de problemas são independentes e resilientes. Eles são mais propensos a trabalhar em algo que consideram desafiador. E, como resultado, eles são menos propensos a se perturbar com novas situações.

Bons solucionadores de problemas são tb menos propenso a responder precipitadamente. Em vez de atacar, uma criança pode respirar e conversar sobre um problema com seu colega de classe.

Conforme o tempo passa, isso cria um efeito positivo de bola de neve. As crianças que estão acostumadas a resolver seus próprios problemas crescem em confiança - se tornando jovens adultos capazes e, talvez um dia, eles próprios pais!

Como desenvolver habilidades de resolução de problemas em crianças

As crianças podem começar a desenvolver habilidades de resolução de problemas desde a pré-escola! É tudo uma questão de dar a eles as ferramentas adequadas à idade de que precisam para resolver problemas, bem como dar a eles muitas oportunidades de praticar.

Aqui estão 7 maneiras de começar:

1. Fale sobre emoções

Para crianças da pré-escola e do jardim de infância, o primeiro passo para a solução de problemas é ser capaz de reconhecer e regular as emoções.

Dê a seus filhos o vocabulário de que precisam, falando sobre emoções desde tenra idade. Diga coisas como: “ Você deve estar desapontado por não podermos ver Katy hoje ' ou ' Mamãe está se sentindo frustrada porque não consegue encontrar as chaves ”.

Deixe-os saber que todas as emoções - mesmo as negativas - estão bem. Mas como respondemos a eles está em nosso controle.

2. Não dê a eles todas as respostas

É tão tentador para um pai intervir e salvar seus filhos de seus problemas. Mas eles perdem lições de vida valiosas se você fizer isso.

Quando seus filhos se deparam com um problema, não comece imediatamente com a resposta 'certa'. Em vez disso, faça perguntas abertas que os levem a explorar um problema por si próprios. Perguntar: “Existe outra maneira de ver isso? O que aconteceria se fizéssemos assim? ”

Permitir eles ter ideias sem julgamento. Ser capaz de pensar criativamente e estar disposto a cometer erros são aspectos realmente importantes da solução de problemas para as crianças.

3. Incentive o jogo autodirigido e criativo

As crianças aprendem melhor quando são deixadas por conta própria. Coisas que parecem divertidas - como vestir-se bem - fornecem muita prática para a resolução de problemas.

Uma criança que não consegue encontrar seu chapéu de pirata pode fazer uma série de perguntas diferentes: “Onde está meu chapéu? Pode ser debaixo da minha cama? O que posso usar no lugar? Posso fazer o meu próprio? Em vez disso, devo me vestir de super-herói? ”

Sem pais ou professores por perto, as crianças ter pensar fora da caixa!

4. Explorar os problemas dos personagens de contos de fadas

As crianças se inspiram para resolver problemas ao seu redor. Isso significa pais, família e amigos. Mas também significa personagens de seus livros favoritos.

Na maioria dos livros infantis, um personagem enfrenta um problema e tenta resolvê-lo. Leia um livro juntos e pergunte ao seu filho o que eles faria se eles estivessem no mesmo barco.

'O que você faria nesta situação? Que escolhas o personagem tem? O que eles poderiam ter feito de forma diferente? ”

5. Crie criativamente

Treine as habilidades de resolução de problemas de seus filhos fazendo alguns trabalhos manuais com um torção .

Em vez de dar a eles ideias sobre o que fazer, dê a eles uma coleção de materiais e pergunte o que eles acho que eles podem fazer com isso.

Situações como esta - em que não há resposta certa ou errada - permitem que as crianças pensem de forma criativa e tenham ideias por si mesmas, sem a pressão de um problema real para resolver.

6. Envolva seus filhos em pequenos problemas da vida real

Embora não estejamos dizendo que você deve sobrecarregar seus filhos com grandes problemas do mundo adulto, envolvê-los em dilemas menores pode ser uma forma verdadeiramente valiosa de praticar a resolução de problemas.

Quando você enfrentar um pequeno problema, converse sobre seu processo de pensamento com seus filhos. Por exemplo, “Eu ia fazer ensopado para o jantar, mas não temos batatas. Eu poderia ir à loja. Ou eu poderia tentar substituir as batatas por um ingrediente diferente ... ”

Isso mostra a eles que todos encontra problemas e tem que buscar soluções. Você pode até tentar pedir conselhos a eles. Eles verão que você valoriza a opinião deles e suas habilidades de resolução de problemas, o que pode realmente aumentar sua confiança.

7. Ensine noções básicas de resolução de problemas

Para crianças mais velhas, uma abordagem estruturada para resolução de problemas pode ser útil. Experimente este acrônimo STEP:

S = Diga o problema em voz alta.

T = Pense sobre o problema e uma gama de soluções possíveis.

E = Explore as consequências de suas soluções. Quais são os prós e os contras de cada solução? O que aconteceria se você escolhesse a opção A em vez da opção B?

P = Escolha a melhor solução. Se não funcionar, volte um passo e tente outro.

Fale sobre a estratégia STEP e pratique colocá-la em ação. Ter uma estrutura a seguir pode ajudar as crianças a colocar seus pensamentos em ordem e abordar os problemas de maneira lógica.